O que é Firewall: tudo o que você precisa saber para a sua empresa

Firewall

Você sabe o que é Firewall? Esse recurso surgiu nos anos 80 para atuar na segurança de redes de internet. Naquela época, só quem usava internet eram universidades e instituições militares.

Hoje vemos que ela invadiu nossas casas, trabalhos e as ameaças de seguranças estão muito mais presentes. Por isso, que tal saber como se proteger?

No post de hoje falaremos sobre o que é firewall, como funciona, para que serve e como ele pode te ajudar. Então, vem ler este post porque ele tá completo. Boa leitura!

Este artigo contém:

O que é firewall e para que serve?

O firewall funciona como uma parede protetora entre o dispositivo e a conexão com a internet para ajudar na hora de bloquear conteúdos maliciosos. É ele que determina o que é seguro ou não para o tráfego de rede!

Mas o que é firewall e o que esse termo significa?

O termo “firewall” em português significa parede de fogo. Esse nome deriva das portas “corta-fogo” que existem nas escadarias de prédios e condomínios. Já no campo da informática, funcionam como equipamentos que filtram o fluxo de dados.

O mais interessante é que esse tipo de solução serve tanto em redes particulares quanto empresariais. Pois, garante confidencialidade e integridade de dados. Ou seja, evita que hajam fraudes, roubos e até mesmo invasões cibernéticas.

Tipos de firewall

Não basta saber apenas o que é firewall, é importante conhecer as opções disponíveis para ajudar você. Isso porque ele pode reunir software, hardware ou ambos. Confira abaixo os três principais tipos de firewall:

Firewall de proxy

Esse é o principal e mais conhecido tipo de firewall. Ele funciona como a passagem que interliga a rede externa e o computador. É como um segurança que analisa se está tudo ok antes de liberar a entrada de uma pessoa naquele lugar.

Essa metáfora resume bem a função dos servidores proxy. Pois, ele impossibilita que haja uma comunicação direta entre fonte e o destino. Contudo, isso pode acometer a qualidade da taxa de transparência e aplicações ele suporta.

Firewall de próxima geração

O firewall Next-Generation (próxima geração), recebe esse nome por oferecer funcionalidades mais avançadas para as redes. Ele bloqueia qualquer ameaça moderna, como software malicioso avançado, ataque nas camadas de segurança e atividades suspeitas.

Firewall de inspeção de estado

O Firewall de inspeção de estado é o mais tradicional de todos os outros citados. Ele é responsável por verificar o tráfego conforme o estado operacional e os aspectos da conexão.

Em outras palavras, ele faz o monitoramento de rede e das atividades desde a hora em que uma conexão é iniciada até o momento dela ser fechada.

Filtragem de pacotes

A metodologia da filtragem de pacotes (packet filtering) é bastante simples e oferece um ótimo nível de segurança. Ela é dividida em dois tipos: estático e dinâmico.

  • Estático: analisa os dados segundo as regras configuradas;
  • Dinâmico: possibilita que as normas sejam adaptadas conforme cada situação.

O desenvolvedor estabelece uma lista de regras e o programa analisa elas para verificar se as informações estão corretas. É a partir dessa análise, que o firewall vai autorizar ou não a chegada e saída do pacote de dados.

Como um firewall funciona?

Agora que você entendeu o que é firewall e quais os principais tipos, chegou agora de saber como ele funciona. De forma direta, essa “barreira de segurança” é um instrumento para assegurar o computador contra invasões.

Por meio dessa limitação, só quem terá acesso às funcionalidades da ferramenta são os usuários com autorização. Assim, ele fica limitado às configurações do controlador, impedindo que exista o envio de arquivos confidenciais à rede.

Uma ótima analogia é imaginar que o firewall trabalha como o guarda do seu prédio. Ele vai verificar todos os dados e informações mostradas antes de alguém desconhecido entrar.

Ou seja, o firewall verifica as informações, conforme as configurações estabelecidas. Só depois disso, ele autoriza ou bloqueia o pacote de informações. Por isso, a instalação dessa ferramenta deve ser realizada por profissionais capacitados.

As principais funções de um Firewall

O papel do firewall pode ser definido pela segurança de rede, mas também por outros fatores. Confira as suas principais funções abaixo:

  • Analisar o tráfego: uma das funções do firewall é fazer análise do tráfego de rede e evitar a entrada de dados indesejados;
  • Proteger a rede: o firewall mantém a rede segurança, identificando tentativas de ataques e até mesmo invasões. Quando um ciberataque acontece, o firewall bloqueia automaticamente e protege os dados da organização;
  • Filtrar os pacotes: outra função do firewall é a filtragem de pacotes, que acontece mediante as regras e programação estabelecidas pelo técnico de informática;
  • Controlar os dados: dentre as funções do firewall, o controle de dados é uma delas. Ele identifica quais sites são acessados pela equipe da empresa e por meio de relatório, expõe quais serviços estão usando os recursos da internet;
  • Gerenciar a conectividade: ele também é responsável por dispor de mais conectividade, para que assim, o usuário possa ter acesso ao suporte a qualquer momento que precisar.

Por fim, ao entender o que é firewall e quais suas funções, fica mais simples aplicar essa medida de segurança em qualquer empresa ou negócio, independente do seu nível ou porte.

A importância de um firewall mesmo para pequenos negócios

Mesmo com a existência de Políticas de Segurança da Informação (PSI) e boas práticas de proteção de dados e informação, algumas empresas ainda tendem a não dar muita atenção para a segurança.

Alguns exemplos de desatenção com a segurança, são:

  • Colocar a senha diretamente na tela do computador, pensando que está facilitando o processo;
  • Funcionários com possibilidade de alterar sistemas e instalar software no computador;
  • Livre acesso para acessar qualquer tipo de site na organização, entre outras.

Perceba que  é importante que os colaboradores tenham conhecimento a respeito dos processos de segurança na empresa. O firewall pode ajudar a facilitar esses processos, pois otimiza a gestão, garante segurança e economiza investimentos.

Diferenças entre firewall e antivírus

Existe uma certa confusão sobre o que é firewall e o que é antivírus. Apesar deles trabalharem de forma parecida, não funcionam da mesma forma. Todos os dois têm a finalidade de impedir atividades estranhas, mas atuam diferentemente, confira:

●      Antivírus

É responsável por barrar perigos ocasionados por softwares e linhas de código. O antivírus usa padrões de reconhecimento dos códigos, garantindo a identificação de atividades normais e ameaças ou malwares;

●      Firewall

Sua função é atuar como um filtro para impedir vazamento de dados, evitar invasões ou entrada e saída de informações, conforme sua configuração. O firewall não consegue bloquear dados recebidos por meio de e-mail, sites, links maliciosos, por exemplo;

●      Firewall x Antivírus

A principal diferença existente entre ambos está na forma em que acontece a proteção. Se você entendeu o que é firewall, percebe que ele atua como uma proteção de “porta”, ou seja, define o que pode ou não entrar na conexão de rede.

Contudo, existem portas mais difíceis de fazer o monitoramento, e é nesse momento que o antivírus entra em cena. Em caso de e-mails e programas softwares que funcionam online, ele fiscaliza o acesso e garante que não exista roubo de dados.

Por fim, é possível dizer que um complementa o outro. Podem funcionar perfeitamente juntos, mas um não ocupa a função do outro.

Firewall de hardware x firewall de software

Após entender de forma completa sobre o que é firewall, vamos conhecer suas versões mais avançadas, como no caso do firewall de hardware e de software:

  • Firewall de Hardware: eles oferecem maior segurança para a Internet das Coisas, como é o caso lâmpadas inteligentes ou sistemas como Alexa, por exemplo. Esses equipamentos vêm com sistemas de segurança fracos e com o firewall de hardware evita-se lapsos de proteção;
  • Firewall de Software: essa modalidade é a mais conhecida, utilizada até em redes residenciais. São os mais econômicos e garantem proteção contra vírus e malwares espiões.

5 itens que devem constar no firewall empresarial

Na hora de escolher o firewall para uma empresa, é preciso se atentar para algumas coisas. Por isso, confira os 5 itens principais que devem conter no seu software empresarial, confira:

  1. Gerenciamento de acesso: o firewall controla todas as entradas de usuários em uma empresa, podendo ser configurado para trabalhar de acordo com cada perfil de acesso do usuário;
  2. Controle do fluxo de dados: essa função também é essencial em um firewall empresarial, pois ele pode controlar os fluxos de dados, bloquear envios ou liberar para funcionários autorizados;
  3. Gestão de site FTP: no caso de empresas, é fundamental utilizar firewall para controlar o acesso de sites, tornando o uso de navegadores mais confiáveis e seguros;
  4. Bloqueio de arquivos suspeitos: por meio desse tipo de funcionalidade no firewall, é possível evitar que um funcionário baixe arquivos suspeitos. É fundamental, estabelecer políticas internas para evitar esse tipo de situação;
  5. Proteção de rede: essa é a função mais óbvia de todas, o firewall deve oferecer proteção completa para a rede da empresa, garantindo segurança em sua completude.

Gostou de saber mais sobre o que é firewall? Aproveite para acompanhar nosso blog e encontrar todas as novidades importantes sobre tecnologia da informação!

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Inscreva-se para receber nossos conteúdos em primeira mão, diretamente em seu e-mail.

A Upgrade TI precisa das informações de contato que você nos fornece para comunicar informações sobre os conteúdos grátis. Você poderá deixar de receber essas notificações a qualquer momento.

Posts Recentes

Utilizamos Cookies em nosso site para você ter uma melhor experiência ao voltar a nos visitar. Clicando em “Aceito”, você concorda em salvar os Cookies no seu navegador.

Falar com Especialista
UPGrade TI - Suporte Técnico de TI
Olá 👋
Como podemos ajudá-lo?