Guia completo sobre Gestão de Riscos e Compliance!

gestão de riscos e compliance para as empresa

Estar em conformidade com a lei e evitar complicações é o que toda empresa séria se propõe a fazer desde o início. Para conseguir fazer isso, existem os campos de gestão de riscos e compliance, que somam forças para a Governança Corporativa e Governança de TI. São conceitos importantes de se aplicar, pois descumprir com as obrigações legais é algo perigoso, pode pôr a sua empresa em risco e prejudicar sua reputação no mercado.

Em vista disso, veja neste guia completo a importância da gestão de riscos e compliance. Saiba em detalhes o que é compliance e gestão de riscos, qual é a diferença entre ambas e saiba mais sobre a gestão de riscos nas empresas de TI. Além disso, veja também como a integração dessas áreas beneficia as empresas, como a boa gestão de riscos e de compliance valoriza a organização e quais são os benefícios de uma gestão integrada.

Este artigo contém:

O que é compliance e gestão de riscos?

Compliance e gestão de riscos possuem definições diferentes, mas se trata de duas estratégias que somadas oferecem os parâmetros para a empresa se manter legal e ética no mercado.

Compliance

O que é compliance e gestão de riscos

O termo compliance tem sua origem em “to comply”, o mesmo que “cumprir”. De um modo mais abrangente, esse termo é muito utilizado para difundir toda a unidade interna responsável por garantir as conformidades diante dos princípios legais e éticos corporativos. Nos EUA e países da Europa, a compliance é um assunto muito sério e a maioria das empresas possui um departamento específico para cuidar deste assunto.

No Brasil, a compliance se tornou famosa após a implantação da Lei Anticorrupção, que deixou bem definidas as normas relativas ao programa de integridade das empresas. Este é um setor que cuida de níveis diferentes de conformidade diante da legislação criada. Veja quais são os pontos de responsabilidade da compliance em uma organização:

  • Legislação voltada para a área de segurança do trabalho e saúde;
  • Se propõe a cuidar do cumprimento das obrigações tributárias;
  • Preza pelo combate a corrupção na empresa;
  • Oferece segurança contra assédio aos colaboradores;
  • Cuida para que a empresa se mantenha em conformidade com as leis ambientais diante das atividades realizadas.

Leia também: O que é Certificação Digital? Descubra agora!

Gestão de Riscos

gestao de riscos

No caso da gestão de riscos, o foco é voltado para toda a organização de recursos, como financeiro, tecnológico, de pessoas e materiais, por exemplo. O objetivo desta gestão é gerar um mapeamento constante sobre os riscos ligados a determinadas atividades e criar uma estratégia para mitigar os riscos constatados.

Trata-se de uma forma de gestão que pode ser realizada por diferentes setores na empresa. Profissionais de diferentes setores podem receber treinamento e orientação mediante normas e regras a serem seguidas e manter uma vigilância constante no setor. No que se refere a risco, eles são abrangentes. Por exemplo, o risco de um produto não ser aceito no mercado, de um serviço não criar uma tendência lucrativa para a empresa ou de um fornecedor não cumprir com seus prazos.

Já no que diz respeito ao lado ocupacional, a visão de gestão de riscos é algo ainda mais importante, pois lida diretamente com a saúde e bem-estar dos colaboradores. Mitigar os riscos de acidentes e doenças é uma preocupação imediata. As empresas do setor de saúde e de segurança já se baseiam nas normas NR1 e a ISO 45001 como uma obrigatoriedade, representando uma forma de gestão de riscos e compliance nos processos e regras a serem seguidas.

Leia também: Saiba o que é TI Bimodal e torne a sua empresa mais competitiva

Qual é a diferença entre gestão de riscos e Compliance?

Os dois departamentos cuidam de estratégias e assuntos específicos, mas que podem ser explorados para outros objetivos na empresa. A principal diferença entre as duas áreas de gestão é que, a compliance cuida da reparação e legislação interna, e se prontifica em lidar com os fatos após a ocorrência de danos, como uma denúncia interna de abuso de autoridade, corrupção e reparação de um colaborador, por exemplo.

Já a gestão de riscos é utilizada em áreas onde a falta de cumprimento da legislação não mantém vigilância. Ou seja, ricos que nada têm a ver com a legislação vigente, como, por exemplo, o risco de um serviço não ser aceito no mercado mediante a uma análise de tendência e projeções traçadas por especialistas.

Importância da compliance e gestão de riscos

Eleve o patamar de negócios e reputação de sua empresa com compliance e gestão de riscos aplicada!

Ainda que existam diferenças entre os dois conceitos, é possível notar que o objetivo das duas são iguais: mitigar riscos e lidar com prejuízos em incidentes na empresa. Seja os riscos de prejuízo, integridade física ou moral, ou ligados a idoneidade da organização, existe uma grande importância da compliance e gestão de riscos. Ambas devem ser utilizadas como ferramentas fundamentais para manter o negócio competitivo no mercado.

A transparência é um dos pontos fortes das duas metodologias corporativas aplicadas constantemente na empresa. Seguir as regras é importante, e a forma de se fazer isso com a gestão de riscos e compliance eleva o patamar da empresa diante da concorrência. Além disso, esses métodos são importantes para elevar a produtividade, reduzir acidentes, escândalos e melhorar a comunicação entre colaboradores, gestores e com o consumidor.

Segundo dados divulgados pelo Observatório de Saúde e Segurança do Trabalho, houve a morte de um trabalhador a cada 15 segundos ao redor do mundo entre os anos de 2012 e 2020. Os dados foram levantados pelo MPT (Ministério Público do Trabalho) em parceria com a OIT (Organização Internacional do Trabalho). Esse estudo coletou dados de acidentes ocorridos no período destacado. Por esses e outros motivos, a gestão de riscos de trabalho somados aos conceitos de compliance, são importantes para redução destes índices de acidentes no presente.

Compliance e gestão de riscos nas empresas de TI

A gestão de riscos e compliance abrange um amplo campo de assuntos dentro de uma empresa. O setor de TI é um dos grandes responsáveis por essas atividades. Assim que uma empresa passa a ter um departamento de TI, ou mesmo a parceria de uma empresa que presta consultoria de TI, esses profissionais devem participar na vigilância e gestão dos processos de segurança na gestão de risco.

Para que o setor atinja esse patamar, é fundamental que os profissionais recebam treinamento específico. A segurança digital é um assunto muito discutido na gestão de riscos. Os cuidados com emails infectados, acesso de dispositivos de armazenamento ou páginas indevidas, pode ocasionar em contaminação por malware e tornar a empresa refém de cibercriminosos.

Desta forma, os profissionais do setor de Tecnologia da Informação devem estar prontos e treinados para ficar à frente desta gestão de riscos. A realização do Pentest e a implantação do COBIT, são formas de trabalhar ainda mais o status de segurança digital da empresa.

Já a aplicação de compliance no setor de TI também é importante, algo fundamental! Por exemplo, um Canal de Denúncias na empresa é uma ferramenta importantíssima para que um colaborador possa comunicar a ocorrência de algum abuso, constatação de fraude e atividades contra a ética da empresa.

A análise de dados também pode ser utilizada para conter ameaças, pontos vulneráveis e fazer a vigilância dos processos. Por meio de um sistema de helpdesk, a empresa tem em suas mãos uma ferramenta que vai ajudar na identificação de problemas e ameaças. Contar com uma empresa especialista no assunto, como a UPGrade TI, para fornecer todo o suporte de tecnologia e profissionais treinados em gestão de risco e compliance, é uma opção muito viável.

Como a integração dessas áreas beneficia as empresas?

Como a integração dessas áreas beneficia as empresas?

Uma abordagem exclusiva dos dois conceitos aplicados simultaneamente em uma empresa permite um alto grau de transparência entre as relações estabelecidas. O consumidor, por exemplo, sabe do compromisso da empresa com o meio ambiente, com o bem-estar dos colaboradores e se sente mais tranquilo em adquirir produtos e serviços de tal marca.

Existe o acrônimo GRC, que aponta a integração de gestão de riscos, governança corporativa e compliance na mesma empresa. Quando esses conceitos são aplicados simultaneamente, observa-se uma postura da empresa que culmina em um grau de transparência extremamente satisfatório diante das normas e exigências legais.

Como a boa gestão de riscos e de compliance valoriza a organização?

A boa gestão de riscos e de compliance valoriza a organização em muitos aspectos, como melhorar a comunicação e reverter isso em bons negócios. A gestão de riscos e compliance em uma organização também ajuda na redução de custos. Indicadores positivos, mais sólidos e um alto grau de desempenho, são algumas das consequências positivas observadas nas empresas que optam por seguir este modelo de gestão jurídica, segurança, saúde e bem-estar.

Veja também: Saiba o que é Gestão Eletrônica de Documentos (GED) e como utilizá-la em sua empresa

Benefícios de uma gestão integrada

Os benefícios de implantar a gestão de riscos e compliance em toda a empresa, são amplos. Veja alguns desses benefícios:

  • Valoriza a empresa no mercado interno e externo;
  • O consumidor se sente mais confiante de fazer negócio com uma marca preocupada com seus colaboradores e meio ambiente, o que reflete de forma positivas nos negócios;
  • Além dos consumidores, outras empresas também vão optar por uma empresa que segue os conceitos de compliance e gestão de riscos;
  • Os processos se tornam mais alinhados e transparentes;
  • Os departamentos interagem de forma mais clara e objetiva por conta da maior integração proporcionada pela compliance e gestão de riscos;
  • Riscos de acidentes são drasticamente reduzidos com a prevenção de riscos;
  • A cultura da empresa é beneficiada, pois recebe mais incentivo diante de políticas mais transparentes e de inclusão junto a participação de todos.

Conclusão

Podemos concluir que é extremamente importante a gestão de riscos e compliance em uma empresa. Não importa o segmento ou patamar do seu negócio: contar com uma gestão de riscos e compliance coloca sua empresa entre as maiores organizações do mercado. Se deseja ampliar este espectro a partir de um suporte externo confiável, entre em contato com um especialista da UPGrade TI e receba todas as orientações de uma empresa que aplica na prática estes conceitos.

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Inscreva-se para receber nossos conteúdos em primeira mão, diretamente em seu e-mail.

A Upgrade TI precisa das informações de contato que você nos fornece para comunicar informações sobre os conteúdos grátis. Você poderá deixar de receber essas notificações a qualquer momento.

Posts Recentes

Utilizamos Cookies em nosso site para você ter uma melhor experiência ao voltar a nos visitar. Clicando em “Aceito”, você concorda em salvar os Cookies no seu navegador.

Falar com Especialista
UPGrade TI - Suporte Técnico de TI
Olá 👋
Como podemos ajudá-lo?